Comida italiana sem culpa




Numa Porto Alegre de muita chuva, num domingo que não deixa nada a desejar em relação às melhores cidades do mundo (com exceção dos alagamentos...) o cardápio não podia ser melhor. Região tranquila, atendimento caseiro e comida que mescla a cozinha napolitana com a calabresa... assim fomos parar na Taverna Monte Pollinos, atrás do Nacional, entre o Menino Deus e a Cidade Baixa, na esquina da Baronesa do Gravataí com a Múcio Teixeira...... que delícia... do anti-pasto à sobremesa... tudo na medida para dois estômagos em uníssono, com histórias pra compartilhar... o espaguetti ou o talharim com carne de panela...a chuva lá fora... o clima de cantina do interior da Itália... e as quatro sobremesas disponíveis... uau... a Veja não se enganou desta vez ao colocar o restaurante no topo da lista dos the bests...vai lá pessoalmente... com estômago aberto e sem culpa... e se quiser, dá uma olhada antes no mundo virtual... http://www.tavernamontepollino.com/

12 comentários:

Taci disse...

E viva POA, o imaginário, os rituais, a sensibilidade, o paladar, o saborear, o domingo, a chuva, os acompanhamentos, o retorno para casa, o diamante. E parafraseando um comentário que li aqui mesmo nesse blog...impossível não ficar com fome lendo esse blog.
E para fechar esse final de tarde chuvosa...posso dizer que estou me sentindo ainda na Itália.

Marcos Santuario disse...

O desenvolver da sensibilidade é um exercício mágico... pena que nem todos se dediquem a ele... traz sensações que não foram ou deixaram de ser vividas... e a cidade, que se revela em várias cidades dentro de uma só, possui estes caminhos... hay que desearlos, buscarlos y vivirlos...

Taci disse...

E que momento italiano!!! Niente di più

Marcos Santuario disse...

somente uma pessoa que é sono grandi pode entender isso

Juliane Soska disse...

definitivamente, esse blog não é recomendado para quem está de dieta.

Sr. M disse...

Foto de Buenos aires???
isso é inveja em professor...

Juliane Soska disse...

a próxima vai ser do Rio...

rsrsrsrsrs

Marcos Santuario disse...

Nada como ter gente esperta de olho na gastronomia, no turismo e viajando pelos universos da cultura. E mesmo com comida assim, não se engorda... a gente se delicia!! Valeu!

Juliane Soska disse...

ou engorda só de ler...

Sr. M disse...

ao contrário dos professores que nem dão o ar da graça no blog dos alunos...

Juliane Soska disse...

é, por mais que a gente grite o silêncio é sempre maior...

Sr. M disse...

Já dizia o velho dylan:
quantos caminhos deve um homem percorrer...