Poesia bombástica

Os versos caem como uma bomba semântica no meio de nossa confusão na divisão mundial... e são de Sérgio Vaz "Homem-bomba-poética da Cooperifa"

ETA mundo estranho

Tanta IRA, tanto ódio

Quando o que a MOSSAD

Mesmo quer é dançarHEZBOLLAH.

Cd, OLPDeixe a música tocar.

Neste ONUVamos celebrar a vida

Pois temos a FARC e o queijoNa mão, basta acreditar.

Não importa o LADEN

Que você estáAL-QAEDA tarde vamos nosAbraçar.
Solidão aos belicosos!

Quem USA e abusaNão merece CIA.
Vamos vigiar a paz,

Noite e dia,

Para que não haja mais a guerra,

HAMAS.


2 comentários:

Luiza disse...

Querido Marquinhos, primeiramente, quero parabenizar pelo Blog. Está excelente como todo teu trabalho. Quanto à enquete, uma das opções eu faço o seguinte comentário. O Estado chama-se Israel. Lá existem diversas etnias, culturas e religiões vivendo harmoniosamente. Portanto a opção certa deveria ser os Israelenses têm razão?. Um abraço da amiga Luiza Seligman

Julio Jr. disse...

Acredito que... a partir do momento que as discussões tiram vidas... perdeu-se a razão... do lado que for....